Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

NitaSweetFactory

Blog de receitas de doces, sobremesas, bolos e receitas deliciosas! Enfim, um blog de doces pecados!

NitaSweetFactory

Blog de receitas de doces, sobremesas, bolos e receitas deliciosas! Enfim, um blog de doces pecados!

Muffins de banana e manteiga de amendoim

E depois de uma ausência algo grande... constrangimentos e impedimentos laborais, estou de volta para lhe trazer receitas e doces pecados. Esta semana será dedicada a receitas saudáveis. Hoje trago-lhe muffins de banana e manteiga de amendoim, em 25 minutos tem uns muffins deliciosos e super saudáveis.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Broma Bakery e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-05-04, às 15.04.57.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 3 bananas maduras grandes;
  • 1/2 chávena de manteiga de amendoim natural;
  • 4 c. sopa de mel;
  • 2 ovos;
  • 2 c. chá de extrato de baunilha;
  • 1 1/4 chávena de farinha de aveia;
  • 1 c. sopa de fermento em pó;
  • 1/2 c. chá de sal;
  • 1 chávena de pepitas de chocolate negro.

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 220ºC. Forre 12 forminhas de muffin e unte as forminhas com um spray. Reserve.
Numa tigela grande, misture as bananas, a manteiga de amendoim, o mel, os ovos e a baunilha. Mexa até misturar bem. Adicione a farinha de aveia, o fermento e o sal e mexa para incorporar. Adicione as pepitas de chocolate. Certifique-se que não mistura em demasia.
Coloque a massa enas forminhas, enchendo-as apenas antes do topo das forminhas. Coza por 5 minutos, em seguida, sem abrir a porta do forno, diminua o forno para 180ºC e coza por mais 15 minutos.
Retire do forno e deixe arrefecer por 10 minutos.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce e saudável pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Chess Pie

E numa segunda feira tão cinzenta e chuvosa, trago-lhe a receita de uma Chess Pie. A Chess Pie é uma sobremesa popular do sul dos Estados Unidos, a qual tem origem em Inglaterra. É uma tarte com um recheio cremoso e uma cobertura torrada e crocante. Vai adorar esta tarte, não apenas pelo seu sabor doce irresistível, mas também porque é uma das tartes mais rápidas e fáceis de fazer.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Delish e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-26, às 14.11.09.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar de:

Ingredientes:

1 base de massa;
4 ovos grandes;
1 1/2 chávena de açúcar;
1/2 chávena de manteiga derretida;
1/4 chávena de leite;
1 c. sopa vinagre branco;
2 c. chá extrato de baunilha;
1/4 chávena de farinha de milho;
1 c. sopa farinha;
1/2 c. chá sal.

 

Preparação:

Pre-aqueça o forno a 220°C. Abra a massa e coloque numa forma de tarte redonda de 23 cm. Apare as bordas e fure o fundo da crosta com um garfo. Coloque no congelador para arrefecer por 15 minutos.
Coloque papel vegetal por cima da base e recheie com pesos. Asse até dourar por cerca de 15 minutos e, em seguida, remova cuidadosamente o papel e os pesos e asse por mais 10 minutos. Deixe arrefecer enquanto faz o recheio.
Reduza a temperatura do forno para 165°C. Numa tigela grande, bata os ovos com o açúcar. Adicione a manteiga derretida, o leite, o vinagre e a baunilha e bata até incorporar. Adicione a farinha de milho, a farinha e o sal e bata até incorporar.
Despeje o recheio na base e leve ao forno por 50 minutos. Deixe arrefecer à temperatura ambiente durante pelo menos 4 horas e coloque no frigorífico até à hora de servir. Polvilhe com açúcar de confeiteiro antes de servir.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

 

Bolachas de gengibre

E assim termina mais uma semana, e com este tempo de chuva, nada melhor do que preparar umas deliciosas bolachas para acompanhar com uma boa chávena de chá.

A fotografia e a receita de hoje foram retiradas do site One Dish Kitchen e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-23, às 21.02.35.png

Para a doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 3 c. sopa de manteiga com sal amolecida;
  • 1/4 chávena de açúcar granulado + 1 colher de sopa;
  • 1 gema de ovo grande;
  • 1 c. sopa de melaço;
  • 1/2 chávena de farinha;
  • 1/2 chá de gengibre em pó;
  • 1/4 c. chá de canela em pó;
  • 1/4 c. chá de bicarbonato de sódio;
  • 1/8 c. chá de cravinho moído;
  • 1/8 c. chá de sal.

 

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180ºC. Forre um tabuleiro com papel vegetal.
Numa taça média, bata a manteiga amolecida e 1/4 chávena de açúcar em velocidade média-alta até obter um creme claro e fofo, cerca de 1 minuto. Junte a gema e o melaço e bata em velocidade média-baixa até incorporar.
Numa taça pequena, misture a farinha, o gengibre, o bicarbonato de sódio, a canela, o cravinho e o sal. Aos poucos, adicione à mistura do creme e misture bem.
Abra a massa em bolas redondas de 4,5 cm e, em seguida, espalhe uma colher de sopa de açúcar por cima. Deixe um espaço de 5 a 6 cm entre cada uma.
Asse até dourar levemente, cerca de 10-12 minutos. Retire o tabuleiro do forno e deixe as bolachas arrefecerem.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Mousse de lima, coco e chocolate branco

E quase a terminar a semana, trago-lhe uma receita rápida, fácil e maravilhosa... uma mistura explosiva entre o doce do chocolate branco, com o ácido da lima e o toque tropical do colo! Esta mousse é rica, suave e bastante leve.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Dish e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-22, às 21.11.39.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

Para a mousse:

  • 400g de chocolate branco, picado em pedaços;
  • 300ml de creme de coco;
  • sumo de 1 limão maduro;
  • 150ml natas;
  • raspas de 4 limas.


Para enfeitar:

  • 3 c. sopa de framboesas liofilizadas;
  • 1 chávena de framboesas frescas;
  • 3 c. sopa de raspas de coco torradas;
  • raspas de 1 lima.

 

Preparação:

Coloque o chocolate e o creme de coco em banho-maria. Quando o chocolate começar a derreter, junte as raspas e o sumo do limão. Continue a bater até o chocolate derreter e a mistura ficar homogénea. Deixe arrefecer até à temperatura ambiente. Bata as natas até obter pontas macias e envolva-as na mistura de chocolate. Despeje em tigelas ou copos de servir e leve ao frigorífico por pelo menos 6 horas ou durante a noite. Sirva com framboesas liofilizadas esfareladas, framboesas frescas e raspas de lima e de coco.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Trufas de oreo

A receita de hoje leva apenas 4 ingredientes e fica pronta em 45 minutos! Receita ideal para fazer quando aparecem umas visitas inesperadas ou mesmo para quando lhe apetecer um doce a meio do dia.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Dinner, then Dessert e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-21, às 22.13.52.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 36 Oreos;
  • 230g queijo creme;
  • 450g chocolate meio amargo;
  • 115g chocolate branco.

 

Preparação:

Adicione as oreos e o queijo creme num processador de alimentos e processe até ficar homogéneo, em seguida, enrole a mistura em 48 bolas de 3 cm e coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal, congelando por 20 minutos. Derreta o chocolate meio amargo e mergulhe cada bola nele com um garfo raspando o fundo antes de colocá-lo de volta no papel vegetal.
Derreta o chocolate branco e coloque-o num saco de pasteleiro com bivo muito fino e passe o chocolate branco em um padrão cruzado antes de deixá-lo endurecer completamente.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Bolo de abóbora com cobertura de queijo creme

Hoje trago-lhe uma receita de um delicioso e fofo bolo de abóbora com cobertura de queijo creme. É perfeito para o pequeno-almoço, lanche ou mesmo como sobremesa.

A receita a a fotografia de hoje são do site Tastes better from scratch e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-20, às 17.05.23.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

Bolo de abóbora:

  • 2 chávenas de abóbora;
  • 1 chávena de açúcar granulado;
  • 2/3 chávena de açúcar mascavado claro;
  • 1 chávena de óleo vegetal;
  • 4 ovos grandes;
  • 2 c. chá de extrato de baunilha;
  • 2 chávenas de farinha de trigo;
  • 2 c. chá de fermento em pó;
  • 1 c. chá de bicarbonato de sódio;
  • 1 c. chá de sal;
  • 2 c. chá de canela em pó;
  • 1 c. chá de cravinho-da-índia moído;
  • 1/4 c. chá de noz-moscada moída;
  • 1/4 c. chá de gengibre em pó.

Cobertura:

  • 1/2 chávena de manteiga à temperatura ambiente;
  • 230g queijo creme à temperatura ambiente;
  • 3 1/2 chávenas de açúcar em pó;
  • 1 c. chá de extrato de baunilha;
  • 1/4 c. chá de canela em pó.

 

Preparação:

Bolo:

Pré-aqueça o forno a 180ºC. Unte uma forma de 23 cm x 13 cm com spray de cozinha antiaderente.
Numa taça grande misture os açúcares, os ovos, o puré de abóbora, o óleo e a baunilha.
Numa taça separada misture a farinha, o bicarbonato de sódio, o fermento em pó, as especiarias e o sal. Adicione os ingredientes secos à mistura de abóbora e mexa para incorporar.
Despeje a massa na forma. Asse por 30-35 minutos. 

Cobertura:

Bata a manteiga e o queijo creme até obter um creme claro e fofo, por 2 a 3 minutos. Adicione o açúcar de confeiteiro, mexendo bem. Misture a baunilha e a canela.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Mini tartes de citrinos

Não há nada melhor do que começar uma segunda feira com umas mini tartes de citrinos, crocantes, cremosas e deliciosas! Não lhes vai conseguir resistir, acredite em mim.

A fotografia e a receita de hoje foram retiradas do site taste.com.au e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-19, às 09.00.53.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 5 ovos, levemente batidos;
  • 250ml de natas;
  • 165g de açúcar refinado;
  • 2 c. sopa de raspa de limão;
  • 125ml de sumo de limão;
  • 225g de farinha;
  • 55g de açúcar de confeiteiro;
  • 125g de manteiga gelada, picada;
  • 1 gema de ovo;
  • 3 c. chá de água gelada;
  • 110g de açúcar refinado;
  • 1 limão cortado em fatias finas;
  • 2 claras de ovo;
  • 110g de açúcar refinado.

 

Preparação:

Para fazer a base, coloque a farinha, o açúcar de confeiteiro e a manteiga no processador de alimentos e processe até que a mistura fique semelhante a um pão ralado fino. Adicione a gema e a água e processe até formar uma massa homogénea. Deite sobre uma superfície levemente enfarinhada e amasse suavemente. Forme um disco e cubra com película aderente. Coloque no frigorífico por 30 minutos para descansar.
Enquanto isso, coloque o ovo, as natas, o açúcar, a casca de limão e o sumo de limão numa taça grande e misture bem. Cubra com película aderente e leve ao frigorífico 
por 1 hora para arrefecer.
Divida a massa em 8 porções. Abra cada porção sobre uma superfície levemente enfarinhada num disco de 3 mm de espessura. Forre com a massa oito formas redondas de 3 cm de profundidade e 8 cm (medida da base) com bases removíveis. Corte o excesso de massa. Coloque no frigorífico por 30 minutos para descansar.
Pré-aqueça o forno a 200°C. Forre as formas com papel vegetal e recheie com pesos de cozimento. Coloque numa forma. Asse por 10 minutos. Remova o papel e os pesos. Asse por 8 minutos ou até dourar. Retire do forno. Reduza o forno para 150°C.
Passe a mistura de ovos por uma peneira fina. Despeje uniformemente entre as formas. Asse por 25-30 minutos. Deixe arrefecer um pouco. Coloque no frigorífico.
Enquanto isso, para fazer o limão cristalizado, misture o açúcar e 250ml de água numa frigideira pequena em lume médio-baixo. Cozinhe por 3 minutos ou até que o açúcar se dissolva. Adicione as rodelas de limão. Cozinhe, virando ocasionalmente, por 30 minutos ou até que a casca do limão fique translúcida. Transfira para um tabuleiro forrado.
Para fazer o merengue, pré-aqueça o forno em temperatura baixa. Use uma batedeira para bater as claras até formar picos firmes. Aos poucos, adicione o açúcar, 1 colher de sopa de cada vez, mexendo bem após cada adição. Continue a mexer até que o açúcar se dissolva. Espalhe um pouco da mistura de merengue sobre cada tarte. Coloque num tabuleiro. Cozinhe por 1 minuto ou até ficar levemente tostado. Cubra com limão cristalizado.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Panna Cota de batata doce

Hoje trago uma receita ligeiramente diferente do normal, uma panna cota de batata doce, com uma textura delicada e sedosa, que não deve deixar de experimentar.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Food & Wine e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-16, às 16.10.53.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 1 e 1/2 c. chá de gelatina em pó sem sabor;
  • 2 c. sopa de água;
  • 1 chávena de puré de batata doce;
  • 1 chávena de leite;
  • 1/4 chávena + 2 c. sopa de natas;
  • 1/4 chávena de leite condensado;
  • 1 c. sopa de açúcar mascavado claro;
  • Pitada de sal;
  • Óleo vegetal, para untar;
  • 1/3 chávena de molho de arandos;
  • 2 colheres de sopa de sumo de arandos.
  • 1/2 chávena de pão torrado com canela, para enfeitar.

Preparação:

Numa taça pequena, polvilhe a gelatina sobre a água e deixe repousar até amolecer, cerca de 3 minutos. Numa taça, misture o puré da batata doce com o leite, as natas, o leite condensado, o açúcar mascavado e o sal. Coloque a mistura no microondas em potência alta até aquecer, cerca de 1 minuto. Aqueça a mistura da gelatina em potência alta até derreter, cerca de 10 segundos, depois verta-a na mistura de batata-doce, misture e deixe arrefecer.

Unte levemente seis ramequins com óleo vegetal. Despeje a mistura de panna cotta nos ramequins e leve ao frigorífico até ficar firme, pelo menos 2 horas.

Numa taça pequena, misture o molho e o sumo de arandos. Passe a ponta de uma faca em volta do interior dos ramequins. Para desenformar, mergulhe um ramekin numa taça rasa de água quente por 30 segundos; seque a ramekin e inverta a panna cotta sobre um prato. Coloque o molho de arandos por cima e decore com os croutons.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Semifrio de morangos e pistáchos

O semifrio é uma espécie de gelado fácil de origem italiana. Os semifrios são, por norma, muito fáceis de fazer e, contrariamente aos sorvetes, não requerem nenhuma máquina para bater ou misturar. A receita que trago hoje é um pouco diferente do normal, o que a torna única e especial... semifrio de morangos e pistáchios.

A receita e a fotografia de hoje foram retirados do site da Martha Stewart e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-15, às 15.49.59.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 1/2 chávena de pistáchio torrado sem sal;
  • 230g de morangos (cerca de 2 chávenas);
  • 1/2 chávena + 3 c. sopa de açúcar;
  • 3 gemas de ovo grandes à temperatura ambiente;
  • 1 1/2 chávenas de natas frias;
  • 1/2 c. chá de extrato de baunilha.

 

Preparação:

Forre uma forma de pão de 13 cm x 23 cm com película aderente, deixando um excesso de 5 cm em todos os lados. Bata o pistáchio num processador de alimentos até ficar grosseiramente picado. Transfira para uma taça pequena (não limpe o processador). Coloque os morangos e 3 colheres de açúcar no processador; bata até ficar homogéneo e transfira através de um passador fino para uma taça (mexa o puré, pressionando os sólidos para extrair o máximo de líquido possível; descartar sólidos).

Misture as gemas e 1/2 chávena de açúcar numa tigela sobre uma panela de água fervente. Bata em velocidade alta (ou vigorosamente com a mão) até ficar amarelo claro e triplicar de volume, cerca de 3 minutos. Transfira a tigela para uma tigela maior de água gelada; mexa até a mistura ficar bem espessa e fria, cerca de 3 minutos.

Bata as natas e a baunilha numa taça grande até formar picos suaves. Misture 1/3 deste creme na mistura de ovo, mexendo até ficar homogéneo e, em seguida, envolva o restante creme restante com uma espátula de borracha apenas até incorporar completamente. Despeje 1/2 da mistura de creme no puré de morango. Delicadamente, misture até incorporar completamente e, em seguida, despeje na forma. Misture o pistáchio no restante creme e despeje uniformemente sobre o creme de morango. Dobre a película aderente sobre a superfície e congele por pelo menos 12 horas. Para servir, retire o plástico da superfície. Inverta a bandeja sobre uma placa de corte. Desenforme o semifrio, remova o plástico e corte transversalmente em fatias.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF

Bolo mármore de chocolate, leite condensado e baunilha

O bolo que trago hoje apesar de ser um bolo mármore, tem um ligeiro twist em relação ao bolo mármore tradicional. Trata-se de um bolo macio, fofo e húmido de mármore, feito com uma mistura de bolo de baunilha, chocolate e leite condensado.

A receita e a fotografia de hoje foram retiradas do site Preety Simple Sweet e podem ser encontradas aqui.

Captura de ecrã 2021-04-14, às 08.54.41.png

Para o doce pecado de hoje vai precisar:

Ingredientes:

  • 170g manteiga sem sal, em temperatura ambiente;
  • 300g açúcar granulado;
  • 60g chocolate meio amargo picado;
  • 80g leite condensado cozido;
  • 3 ovos grandes;
  • 210g de farinha;
  • 1/2 c. chá de sal;
  • 1/4 c. chá de fermento em pó;
  • 120 ml natas;
  • 1 c. sopa de cacau em pó;
  • 2 c. chá de extrato de baunilha.

 

Preparação:

Pré-aqueça o forno a 150ºC. Unte bem uma forma de bolo inglês com manteiga ou spray de cozinha. Na taça da batedeira, bata a manteiga e o açúcar em velocidade média-alta até obter um creme claro e fofo, por cerca de 5 minutos, parando para raspar as laterais da tigela conforme necessário.
Enquanto a manteiga e o açúcar estão a bater, derreta o chocolate em banho maria, mexendo delicadamente até ficar homogéneo e derreter. Desligue o lume e reserve.
Coloque o leite condensado cozido numa taça média e aqueça no microondas por cerca de 30 segundos até que esteja macio e fluido.
Quando a manteiga e o açúcar estiverem claros e fofos, adicione os ovos (um de cada vez) com a batedeira em velocidade média, parando para raspar as laterais da taça após cada adição. Misture a farinha, o sal e o fermento numa taça pequena.
Usando uma espátula, misture um terço dos ingredientes secos na mistura de manteiga, apenas o suficiente até que esteja quase tudo misturado. Incorpore alternadamente metade das natas, depois metade dos restantes ingredientes secos, o resto das natas, e, por fim, o resto dos ingredientes secos, mexendo até que tudo esteja incorporado.
Divida a massa em três porções: coloque um terço na taça com o chocolate derretido e mexa juntando o cacau em pó. Adicione outro terço da massa na taça ao leite condensado cozido e mexa até incorporar. Misture o extrato de baunilha no terço restante da massa na tigela de mistura. Tenha cuidado para não misturar demais.
Usando 2 colheres de sopa (uma colher para pegar na massa e a outra para raspar, soltar e colocá-la na forma), faça cinco filas de massa de chocolate e baunilha lado a lado num padrão alternado em ambos os lados. Adicione conchas da massa de leite condensado no centro da forma.
Por forma a criar um padrão tipo tabuleiro de xadrez, na próxima camada, coloque massa de chocolate sobre a massa de baunilha e, em seguida, coloque massa de leite condensado sobre a massa de chocolate. Finalize com colheres de massa de baunilha no centro. Coloque a massa sobrante aleatoriamente por cima. Bata levemente a forma na bancanda para assentar as massas.
Use um palito para passar na massa cerca de sete vezes, para que fique bem misturado (mas sem exagerar).
Asse o bolo até que o centro esteja firme, cerca de 1 hora e 30 minutos.
Deixe o bolo arrefecer por 15 minutos na forma, antes de o desinformar.

 

Depois já sabe, é só saborear este doce pecado!

Boas batidas!!!

NSF